07 março 2009

alucinadamente

No meu lugar pinga o sangue
em dilúvio do meu delírio
mil palavras lanças, alucinadas
em alfabeto arábico
recortado em pó de areia.
Vem…
Alcança o meu corpo
Sequestrado…
Preso no estio do deserto
quando a miragem da tua sombra
se perdeu de mim e me cegou de luz
Resgata-me…
E com o teu corpo em fúria
Cavalga comigo nas dunas…
Até que se esgote o êxtase

do horizonte...!


(imagem:Gary Kaemmer)

17 comentários:

mariam disse...

Ausenda,

belo! como sempre.

Tenha um dia muito Feliz! seguido de muitos outros não menos fantásticos!

deixo um abraço, o sorriso de sempre e saudades!
mariam

Maria disse...

Palavras arrebatadoras...

Um beijo

A.S. disse...

Belo! Intenso! Sensual!...
Cada palavra é uma suave caricia...


Um beijo

Eduardo Aleixo disse...

As palavras arábicas, o vento suão, o cavalo à solta, o cheiro da maresia, o corpo ardente do poema, noite sem fim sequiosa dos beijos das algas, a carícia da brisa, o cansaço na madrugada é tão grande que já não se ouvem os motores das taineiras que regressam da faina do mar...
Beijo.
Parabens.
Eduardo

Maria disse...

FICA COMIGO

Pobre pássaro
tu que cantas para mim todos os dias,
sem fantasias
grandioso poesia.
Minha alegria em dias pardos,
uma multidão de luzes
e pensamentos estavam lá(...).

Tatiana disse...

Receber um selo, seja ele qual for,
é uma forma de tornar uma gentileza, um ato de carinho.

Repasso para você um selo recebido!

Um beijo com o meu carinho

MPereira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Aníbal Raposo disse...

Ausenda,

Poema lindo de morrer...

Beijos

Mário Margaride disse...

Mais um lindo poema!

Espero, que, a noite te envolva no seu seio, e te adormeça, em sonhos multicolores...

Beijinhos

Mário

F Nando disse...

Passei para beber poesia
Bjs

tossan disse...

Alucinadamente belo! Gostei muito também do poema no comentario lá no klic...
...pensei nao voltar
mas amanheceu...
e me aliviou um raiado sol!
Beijo

Gabriela Coutinho disse...

O amor nos faz ter alucinações e febres =D

maré disse...

até que se esgote o êxtase
.

a febre
na fome da carme

na sede da alma

____

intenso e belo

um beijo ausenda

Paulo - Intemporal disse...

sempre apelativa a emoção que chama, em grito estridente que transporta o silêncio, onde o coração é tão somente ou apenas, a carne que existe em nós.

um bom fim de semana.

um beijo.

poetaeusou . . . disse...

*
alucinadamente
sorvo o teu sentir . . .
,
brisas de amizade, deixo,
,
*

Nuno G. disse...

nuito belo... palavras fortes!
(www.minha-gaveta.blogspot.com)

Anónimo disse...

Hi, as you can see this is my first post here.
I will be happy to get some assistance at the beginning.
Thanks in advance and good luck! :)