07 fevereiro 2009

no toque das tuas mãos

(paula)

Esculpo-me em amor granítico
corpo iluminado nos teus braços
finjo-me de pedra
em esboço inacabado

Lapidando as arestas sinuosas
esculpo-me no perfeito
incessantemente procurado
para na tua libido me deixar tocar

Retoco em bruto
a ambiciosa escultura
do que me invento

Na inspiração do Belo
nas minhas mãos esfíngicas
faço-me mulher
no reverso
do que és tu...!

Agradeço a Pin Gente http://pin-gente.blogspot.com/ o carinho na atribuição do selo ofereço-o a todos os meus amigos sobreviventes ao romantismo que visitam o Tempo Agreste. É vosso!

20 comentários:

Paula Raposo disse...

Sensual. Beijos.

pin gente disse...

dos teus dedos saem sensuais esculturas.





o prazer foi meu, ausenda.
como é sempre um prazer aqui vir.

abraço
luísa

Paulo - Intemporal disse...

Venho agradecer #o recado#, cujo conteudo tanto me sensibilizou[...]

porque um mimo é sempre um toque em retoque no coração de quem toca.

porque pude conhecer este espaço, convicto de que pernoitar aqui possa ser salutar em tom m.a.y.o.r.



Gostei da palavra feita musa deste poema. do verbo em demonstração.

[estou de saída para uma viagem à ásia mas regresso após o carnaval, com tempo para conhecer este espaço]

Outro, abraço __________________ [.]

anareis disse...

Estou fazendo uma campanha de doações para criar uma minibiblioteca comunitaria na minha comunidade carente aqui no Rio de Janeiro,preciso da ajuda de todos.Doações no Banco do Brasil agencia 3082-1 conta 9.799-3 Que DEUS abençõe todos nos.Meu e-mail asilvareis10@gmail.com

Multiolhares disse...

E que bela inspiração a tua
beijos

Mar Arável disse...

Lapidar

simplesmente

mariam disse...

Ausenda,

belo e sensualíssimo poema! :)

é um gosto vir aqui.

boa semana
um sorriso :)
mariam

ah! obrigada, o selinho também o levei da Luísa :)

Menina do Rio disse...

Um amor bem esculpido. Lindo!

Um beijo pra ti

Mário Margaride disse...

Olá, Ausenda!

Obrigado, pela visita e pelo comentário.

Um poema soberbo! Recheado de sensualidade e ternura.

Beijinhos

Boa semana!

Mário

manzas disse...

No castelo
Das expressões,
Estas palavras
Sobrevoam
O mundo inteiro…
Acorrenta e entoam
Paz aos corações
E aqui
Ao lê-las…
Ficarei prisioneiro

Uma semana carregada
De saúde,
Paz…
E muito amor.

O eterno abraço…

-MANZAS-

Eduardo Aleixo disse...

Linda sinfonia incompleta de propósito assim deixada, ser em comstrução, inacabada obra, mas com tanta beleza que roça a perfeição. Ousaria dizer: posso pôr a mão?
Beijo, então.
Eduardo

Betty Branco Martins disse...

._______querida Ausenda




______o coração


movendo-se na boca

.inaudível


na



procura


.da



textura_______os dedos___..




_________///







beijO_____ternO

PreDatado disse...

Sensualmente belo!

Tatiana disse...

Fico imensamente feliz com a sua visita! Obrigada!
Assim tenho a oportunidade de estar aqui, conhecendo a maravilha que é o seu blog.
Estarei acompanhando as suas postagens!

Um abraço carinhoso

O Profeta disse...

Muita beleza e sensualidade nas tuas poéticas palavras...


Doce beijo

mundo azul disse...

________________________________

...irretocável!

Imagens bonitas e sensuais em seus versos...


Beijos de luz e o meu carinho!!!

__________________________________

Mário Margaride disse...

Querida amiga,

Passo por aqui, para te desejar um excelente fim de semana, e dar-te um beijinho.

Mário

manzas disse...

O sol acende a tímida luz do dia
E embarco na viagem que nunca faço…
Abraço manhãs no ceio da chuva fria
Desbravo os ventos em trilhos do acaso

Grato estou pelo comentário
No meu “pensamentos”…
Que adormecem
Ao relento do alento
E enriquecem
Meus esplêndidos momentos

Um resto de um bom fim-de-semana

O eterno abraço…

-MANZAS-

maré disse...

"nas minhas mãos esfíngicas"

sou.nos

na forma mais intensa

do verbo
.

Xana disse...

Muita inspiração para tamanha sensualade ao esculpir este poema.
Beijo