13 dezembro 2008


Desarma a minha paz


A liberdade…


Rasga a minha dor


Ver-me assim aprisionada


Em fogo incandescente


Da tua lava...


E elevar-te a


A anjo azul


Pairando


Em redentora aurora...

Liberta-me...!

3 comentários:

Naty disse...

Ola boa noite passei par te deixar um bjs e dizer-te que voltei aproveito para te desejar um feliz Natal bjs naty

mariam disse...

L.Olhar,

belo poema!

um afectuoso abraço e um sorriso :)
e FELIZ NATAL!

mariam

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá querida Amiga, grata pela tua visita... Adorei conhecer o teu blogue, muito bom!...
Beijinhos de carinho e ternura,
Fernandinha