28 novembro 2012

Voo da saudade




Para onde voaram os pássaros

Que moravam na minha janela

Agora que a chuva

Fez o ninho

Num recanto dela.

Não sei da escolha

Voar, ao encontro deles

Ou esperar

Vestindo-me de chuva

E dançar com ela
!
 
ilustração: vania medeiros
 

9 comentários:

luna luna disse...

para onde vão os pássaros onde vais a vida pernoitar em dias de chuva
beijos

© Piedade Araújo Sol disse...

voltaste com um poema muito oportuno ao tempo actual.

um beijo

Mar Arável disse...

Sopro-te e voo

poetaeusou . . . disse...

*
Agreste se tornou,
o demorado tempo,da procura,
nas minhas gavetas,
voo de espera,
na ignorada saudade, minha,
danço á chuva,
sem pássaros, com penas, minhas !
,
conchinhas minhas,
deixo,
*

poetaeusou . . . disse...

*
no voo da saudade,
por aqui passei,
saudades deixei,
saudades levei !
,
saudosas saudades,
ficam,
*

mariam disse...

Ausenda,

Deixo um beijinho :)

mariam

mariam disse...

... e saudades de por aqui pass(e)ar :)

mariam

Nilson Barcelli disse...

Magnífico poema.
Gostei.
Ausenda, minha querida amiga, desejo-te um FELIZ NATAL e um PRÓSPERO ANO NOVO.
BOAS FESTAS
para ti e para a tua família.
Beijo.

Ana Pereira disse...

Boa tarde
Passei pelo teu cantinho para te dar a conhecer o meu modesto espaço de poesia.
Espero que gostes. Um abraço, Ana Pereira
http://almainspiradora.blogspot.pt/